Resoluções de ano novo: como torná-las reais?

Está na hora de começar a fazer as resoluções de Ano Novo. O que tem na sua lista deste ano? Voltar a fazer exercício, encontrar o amor da sua vida, ler mais, começar a acordar cedo, estudar, viajar ou, finalmente, organizar seu orçamento? O número de itens pode ser extenso, mas o cumprimento efetivo de cada um, às vezes, não chega nem à metade.

Ajudar a fazer mais exercício não é muito nosso departamento, mas podemos, certamente, auxiliar no planejamento da sua vida financeira e, consequentemente, dar um pontapé inicial na viagem. Assim você e sua família têm mais chances de realizar sonhos e ficarem seguros no futuro. 

Como começar?

Organize-se

Organização e planejamento são as principais ferramentas para uma vida financeira tranquila e segura. Faça uma planilha de gastos - com os itens fixos e variáveis - e a torne sua melhor amiga. Parece exagero, mas, sempre que estiver com problemas, analisá-la é a melhor maneira de evitar imprudências. Se não for possível, seja consciente das suas despesas para, dessa forma, ao menos saber o que está consumindo demais. A curto ou a médio prazo pode ser possível reduzir esse valor. Se você não sabe como começar a fazer uma planilha, tente essa da Icatu Seguros e a adapte à sua realidade. 

Pague seus impostos e dívidas

Ano Novo é tempo de esperança e renovação, mas também de impostos. Ao se organizar, já inclua na planilha seus impostos previstos, como IPVA, IPTU e a matrícula escolar, se for o caso. É bom também já começar a pensar no Imposto de Renda que, quanto antes declarar, melhor. 

Com essas despesas fixas em mente, prepare-se para o mais difícil: pagar as dívidas, principalmente, aquelas que parecem não ter fim. Cortar gastos, economizar e priorizá-las, antes de qualquer consumo supérfluo, são passos fundamentais. Negociar os juros com o credor, dependendo do caso, também pode ser uma boa saída. Por mais difícil que isso pareça, alguns aceitam, quando se há provas do que é possível pagar todos os meses.

Trace metas e objetivos

Se você já está organizado e em dia com suas obrigações legais, pode começar a pensar em tirar seus sonhos do papel. Não tenha pressa, contudo. É preciso planejar. Trace metas para alcançar objetivos. Quer viajar no final de 2020? Quanto precisa poupar para chegar à sua primeira meta, em julho? Seis meses de antecedência é um bom tempo para, ao menos, ter o dinheiro das passagens, pois a compra antecipada é mais barata.

Sua cabeça está no sonho, mas volte para a realidade um pouquinho. Já pensou em traçar também metas e objetivos para um fundo de emergência e para a aposentadoria? Eles também devem entrar na sua lista e, talvez, até com mais urgência, pois, quanto mais cedo começar a investir em ambos, melhor. 

Invista 

Esta fase de investimento é a mais complexa, pois tem três etapas. A de curto, médio e longo prazos. Para diversificar tanto é preciso ter passado pelas anteriores. É aqui que muitos desistem na hora de completar a resolução de Ano Novo. Essa fase, porém, é essencial para que ela dê certo, avance e você chegue ao próximo réveillon com a mente tranquila e tendo certeza que fez o melhor que pôde.  

  • Curto prazo - Com suas metas e objetivos traçados comece a investir de acordo. Quanto tem que guardar todos os meses para chegar à primeira meta do seu sonho de consumo? Esse passo precisa de um pouco mais de aprofundamento, pois existem muitas alternativas no mercado e cada uma delas é mais adequada à sua realidade. Os cursos da Como Fazer Investimentos 1 e Como Investir 2 da Icatu, em parceria com a FGV, podem ajudar nessa fase. 
  • Médio prazo - Na hora de aplicar é importante não deixar de lado o fundo de emergência. É ele que vai tirar você do aperto quando mais precisar. Assim, é possível realizar seus desejos sabendo que não gastou toda a reserva financeira. Para ter a tranquilidade necessária, o ideal, neste caso, é guardar seis meses do salário ou, se for muito, das suas despesas. Os investimentos adequados também são necessários nessa etapa.
  • Longo prazo - Não se esqueça ainda de olhar mais adiante. Veja com atenção sua aposentadoria. Muitas regras mudaram na Reforma de Previdência e os seus objetivos neste setor podem ser frustrados sem uma alternativa. Com a previdência privada é possível fazer um investimento de longo prazo e, dependendo do plano escolhido, ainda é viável ter um desconto de até 12% do total da renda bruta tributável do Imposto de Renda. 


Seguro de Vida

Além da aposentadoria, é preciso encarar um tema tabu: a morte. Embora seja um assunto delicado, devemos ter em mente essa possibilidade e a ideia de que, talvez, não dê tempo de finalizar todos os nossos objetivos traçados anteriormente. Um seguro de vida pode oferecer a proteção financeira que sua família precisará em um momento difícil como esse. 

Cumprir todas essas etapas em um ano não é fácil. Por isso, mentalize na Virada seu desejo de cumprir a lista até o final. Vai dar trabalho, mas valerá a pena saber que conseguiu. No réveillon de 2020-2021, apenas agradeça e se dê um “ano sabático” de resoluções de começo de ano. Você merece.

Gostou do artigo? Compartilhe!

Deixe seu comentário